O Ipea ou Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada é responsável pela geração de diversos dados importantes e referentes à economia do Brasil. Saiba mais sobre o Ipea.

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada tem como função a obtenção e disponibilização de dados referentes a economia, população, saúde, PIB e entre muitos outros.

Devido às suas funções detém grande importância para o Brasil e por isso trataremos sobre esse instituto hoje. Quer saber mais sobre o Ipea? Continue por aqui e acompanhe todas as informações.

Ipea: conceito

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, basicamente, tem como função o levantamento, a obtenção, tratamento e divulgação de dados acerca da economia do país.

Trata-se de uma entidade pública do Governo Federal que está associada ao Ministério da Economia. Isso quer dizer que todos os dados provenientes do Ipea são utilizados para o embasamento de ações do governo.

Mas, apesar de ser uma instituição do governo e que proporciona dados para serem utilizados por ele, todas as informações são também disponibilizadas para o público em geral, através de seu site oficial.

Histórico

O Ipea foi criado no ano de 1964, porém, na época recebeu o título de “Escritório de Pesquisa Econômica Aplicada” ou simplesmente “Epea”. 

No entanto, em meados de 1967 o nome foi alterado para o atual Ipea – Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada.

A instituição foi criada devido à demanda de dados referentes à economia do país. Tal necessidade impossibilitava a ação do governo do modo adequado.

Além de tudo, havia a necessidade de se conhecer dados referentes ao país e sua economia.

Logo, percebe-se a importância do Ipea: fornecer seus dados para que o governo direcione suas ações e políticas públicas de maneira correta. 

Importância do Ipea 

Tem-se a economia como um setor de suma importância para o país, influenciando eleições e escolhas eleitorais, criação de políticas públicas e demais encargos. Desse modo, destaca-se que os dados referentes ao setor são cruciais para todo o país.

Funcionamento do Ipea

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada desenvolve estudos e análises em diversos tipos de formatos – que são posteriormente fornecidos e disponibilizados para órgãos vinculados à imprensa e ao próprio governo federal.

Os resultados dos estudos e das análises realizados pelo instituto são transformados em materiais para serem publicados em formatos diferentes, podendo ser: livros, relatórios de dados, agendas, estudos, avaliações de impactos, notas técnicas…

Como o Ipea é estruturado

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada é divido em 7 categorias de direção e categorias diferentes:

1 – Diretoria de Estudos e Políticas Setoriais de Inovação e Infraestrutura (Diset)

2 – Diretoria de Estudos e Políticas do Estado, das Instituições e da Democracia (Diest)

3 – Diretoria de Estudos e Políticas Sociais (Disoc)

4 – Diretoria de Estudos e Relações Econômicas e Políticas Internacionais (Dinte)

5 – Diretoria de Estudos e Políticas Macroeconômicas (Dimac)

6 – Diretoria de Desenvolvimento Institucional (Dides)

7 – Diretoria de Estudos e Políticas Regionais, Urbanas e Ambientais (Dirur)

Além disso, o instituto oferece canais para que sejam realizadas consultas e extrações de informações, como o Ipea Data.

O Ipeadata é responsável por fornecer algumas informações e dados referentes à economia, às finanças, às regiões geográficas que são focos de análises ambientais e sociais, indicadores de distribuição de renda, de assuntos relacionados à educação, saúde, pobreza etc.

Há ainda outros canais, sendo eles: o Atlas da Vulnerabilidade Social, o Repositório do Conhecimento do Ipea, o IpeaGEO, o Extrator de Dados…

Concluindo…

O Ipea é um instituto formado por uma equipe técnica qualificada e empenhada em influenciar cada vez mais na tomada das melhores decisões governamentais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui